quarta-feira, 5 de março de 2008

aDeus Diogo

Apesar da tua curta vida todos os que te conhecemos hoje nos perguntamos porquê Tu Diogo?

De repente sou avassalado por uma sede imensa de vingar a tua prematura morte. Sinto uma imensa injustiça à qual ainda não sei bem como lidar. Afinal de contas o que te aconteceu poderia mesmo ter acontecido comigo ou a qualquer um de nós que surpreendesse os cabrões dos ladrões no teu lugar.

É nestes momentos que sinto uma vontade de esganar o fulano que pôs termo a uma vida tão curta como a tua, com tudo por viver! Até a vontade de aplicar uma pena-de-morte (inexistente no nosso país) me surge estupidamente na cabeça...

Em que raio de país vivemos nós? Estaremos no Brasil, América ou Leste da Europa? Que porra é esta de numa semana morrerem em Portugal 7 pessoas vitimas de assalto com armas de fogo?
Alguém tem que dar respostas... e todos nós que cá estamos temos a obrigação de as exigir!!! Em nome do Diogo e todos aqueles que não podem agora sequer testemunhar.

O Diogo morreu... mas no momento em que surpreendeu os gatunos o Diogo quis simplesmente resolver aquela situação de roubo. Como qualquer um de nós no seu lugar.

Resta-me lembrar-te pela vida fora! E acreditar que a polícia irá apanhar os assassinos!!!

Onde quer que Tu estejas Diogo serás eternamente recordado TE PROMETO!

Carlos Moreira - Oeiras - via email

3 comentários:

Anónimo disse...

tb eu estou chocada com esta noticia. sobretudo quando se constata no parque daquele shopping que as aberturas laterais convidam a situações como esta.
não será altura de fechar as mesmas e colocar um CCTV por todo o parque? quantos Diogos vão ser precisos morrer para se chegar à óbvia conclusão?

Anónimo disse...

sempre moko...

ana-paula disse...

Que Toda a Vila de Oeiras saia para a Rua, de luto, mostrando à sociedade e aos governantes que estes crimes têm de parar!
Paremos a nossas Vila em memória de uma vitima inocente!